Hollywood Studios

Continuando os relatos, hoje falaremos sobre esse parque da Disney, Hollywood Studios, que é-o menor em dimensão, mas não deixa nada a desejar na diversão. Esse dia em particular, a previsão era de chuva para o dia todo, e tivemos que nos preparar para isso, pois quando planejamos a visita ao parque a previsão era de tempo aberto. Passamos na Gift Shop ao lado do hotel e compramos capas de chuva antes de ir, para nos garantir.

Assim como no Animal Kingdom, fomos de carro, paramos no estacionamento que, como é tabelado (para os parques da Disney) também custou $25.00, porém quando estacionamos fomos a pé até a entrada. Também é padrão a vistoria para quem possui mochilas.

Primeira atração que fomos foi uma apresentação da história de A Pequena Sereia, uma espécie de teatro musicado muito bonitinho, no qual marcamos fast pass, e propositalmente perto de Toy Story Land, pois queríamos aproveitar ao máximo essa parte. Seguimos para lá assim que acabou a apresentação.

A Toy Story Land é um sonho! A impressão que temos é que encolhemos para entrar naquele mundo. Não conseguimos marcar fast pass para a montanha russa Slinky Dog Dash, e como estava chuviscando, ela fechou temporariamente. Então seguimos para a Alien Swirling Saucers, que estava com uma fila pequena, estimada em meia hora. Esse brinquedo é legal, mas é mais atrativo para os pequenos, pois é uma especie de xícara maluca. Meu pequenino amou, tanto que foi mais umas duas vezes. Depois que o sol apareceu novamente, encaramos a fila do Slinky Dog Dash, cerca de 1 hora de fila. Valeu muito a pena, a atração é muito divertida, e crianças pequenas podem ir. Minha filha amou, queria ir de novo, mas não dava para entrar na fila novamente, já estava em 2 horas de espera quando saímos, e tínhamos fast pass para o Toy Story Mania.

O Toy Story Mania é um brinquedo mais antigo em relação aos outros dois que citei, mas é muito legal, são carrinhos em que entramos e à medida que ele se locomove temos que ir jogando os joguinhos de tiro ao alvo. Foi muita diversão para todos da família! Como fomos de fast pass, perdemos as atrações à parte que tem na fila de espera, a decoração é linda e tem o Sr. Cabeça de Batata que interage com o público. Na saída do brinquedo a decoração continua e não deixa nada a desejar.

Como finalizamos toda a Toy Story Land, saímos e paramos para almoçar, seguindo o roteiro. O restaurante escolhido para o almoço foi o ABC Comissary, e os pratos escolhidos pelo grupo foram sanduíches e salada mediterrânea. Comida saborosa, e todas vinham acompanhamento, refeição muito bem servida. Esse restaurante fica pertinho de onde tem o encontro com Mickey e Minnie com trajes de gala, a fila estava muito grande e como já tínhamos nos encontrado com eles no Animal Kingdon, passamos para a próxima atração.

Star Tours, uma viagem por Star Wars, foi a nossa última atração na qual havíamos marcado fast pass com antecedência. Valeu muito a pena, pois a fila estava gigante. Na entrada estava acontecendo uma apresentação de Jedis em que as crianças participam. Tem um corredor bem grande no qual passamos e dá a impressão que estamos dentro do filme. Foi bem divertido viajar em uma nave pelo espaço, no contexto de Star Wars, imagine como não está a nova área temática, com muito mais atrações! Para os fãs, deve ser um sonho realizado! Infelizmente no período que fomos, a área ainda estava em construção.

Saindo de lá já agendei fast pass para o teatro de Frozen, que acontece ali pertinho. Sinceramente, foi uma decepção, esperava muito mais. Foi só enrolação, mas por um lado foi bom que sentamos um pouco para descansar. Até minha filha que ama Frozen se decepcionou um pouco, disse que foi sem graça. Meus pequenos só gostaram das espumas que solta no final, simulando neve. Quando acabou, fomos para a fila para tirar foto com Olaf, que era ao lado. Quando estávamos na fila, tinha também opção para tirar foto com Tico e Teco, mas não conseguimos tirar foto com eles, minha pequena queria muito tirar foto com Olaf e a fila estava um pouco grande, não quisemos arriscar em perder.

Em seguida, marquei fast pass para o show do Indiana Jones, que era ali perto também. Entramos para assistir, e assim que começou a apresentação houveram alguns problemas técnicos, e eles pediram desculpas e disseram que poderíamos usar nossos fast pass em qualquer outra atração. Seguimos então para Star Wars Launch Bay e Pixar Place para tirar fotos com personagens.

Na Pixar Place tiramos foto com Edna, de Os Incríveis, e algumas fotos lá nessa parte, onde estava decorado basicamente com essa temática. Também acontecia uma festinha para as crianças com o Sr. e Sra. Incrível, e o Gelado. Bem na entrada dessa área tem uma espécie de museu onde conta toda a história de Walt Disney. Estava chovendo e corremos para lá, e para nossa grata surpresa, descobrimos que ali acontecia encontro com Mike e Sulley, de Monstros S.A. Amei! Esse realmente eu gostei mais que as crianças, rsrs!

Minha pequena queria tirar fotos com os personagens de Disney Junior (Princesinha Sofia, Vampirina e Doutora Brinquedos), eles ficam ao lado de Star Wars Launch Bay (de um lado Disney Junior, do outro lado a primeira atração que fomos, de A Pequena Sereia). Fui encarar a fila com ela, mas por sorte as filas estavam bem pequenas por causa da chuva que tinha acontecido no momento antes. Enquanto isso, meu esposo e nosso filho entraram na Star Wars Launch Bay para tirar fotos com BB8, Chewbacca e Kylo Ren.

Terminado por ali, e já estava anoitecendo, fomos para a Sunset Boulevard, dentro da nossa programação, para entrarmos na fila para a apresentação de Fantasmic! Era pra gente ter chegado nessa área um pouco mais cedo para também pegar o musical de A Bela e a Fera, mas acabamos demorando mais tempo que o esperado nas fotos com personagens. Mas como programado, chegamos um pouco mais cedo para pegar as atrações mais radicais desse parque: Tower of Terror e Rock ‘n’ Roller Coaster Starring Aerosmith. A primeira não gosto, nunca fui, por ser meio medonho, essas coisas de terror. As crianças poderiam ter ido, mas ficaram com medo. Então apenas dois adultos do nosso grupo encararam essa atração. Enquanto isso fui na Rock ‘n’ Roller Coaster, pegando a Single Rider, que é uma fila mais rápida, pois você vai sozinho na atração, entra onde tem acento vazio. Eu amoooooo essa montanha russa! Depois de ir uma vez, encontrei o pessoal do grupo e fui novamente, antes de entrar para o Fantasmic. As crianças não tinham altura mínima para irem na montanha russa, então já foram para o Fantasmic junto com meu esposo para sentarem em um bom lugar. Fui depois, e já preocupada com o horário, porque se já começou o show tem tolerância de horário e não dá  mais para entrar. Lembram lá atrás sobre o fast pass que poderíamos usar onde quiséssemos, do Indiana Jones? Aproveitamos para usar justamente nessa atração.

Encerramos nossa noite com chave de ouro, assistindo a esse belíssimo espetáculo que nos lembra Fantasia, antiga animação da Disney em que Mickey é o protagonista, além de fazer uma mistura com as outras histórias, com os outros personagens. Os efeitos que fazem com luzes e água é muito lindo. No mesmo horário que acontece o Fantasmic, também acontece um show de fogos na temática de Star Wars, fica a dica para os fãs da saga.

Seguem algumas fotos desse dia fantástico:

Indo para Hollywood Studios

Picture 1 of 20

Como todo o trânsito da região, bem sinalizado

 

Como disse anteriormente, apesar de pequeno, esse parque tem muito o que fazer. Tivemos um excelente aproveitamento desse parque, foi dentro da programação que fizemos antes de visitá-lo. Reforço aqui a importância de planejar com antecedência, caso a intenção seja aproveitar o máximo de atrações possível.

Confiram abaixo um vídeo, do nosso canal do YouTube, com o resumo desse nosso dia:

Espero que tenham gostado e que possam aproveitar todas as dicas para planejarem a viagem de vocês. Até o próximo post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *