Animal Kingdom

No nosso planejamento colocamos visita a todos os parques da Disney (total de 4) e mais 2 parques situados na região, dos quais falarei em breve. E o primeiro parque que visitamos foi o Disney Animal Kingdon. Não poderíamos ter feito melhor escolha para começar nossa fantástica aventura pelo reino da fantasia!

O Animal Kingdon fica situado na região do complexo Disney World em Kissimmee. Chegamos ao parque no horário de abertura, 9hs da manhã. Como fomos de carro, estacionamos e de lá um trenzinho nos levou até a entrada do parque. O estacionamento é do próprio parque e custou $25.00 já com o imposto.

Como já estávamos com nossas Magic Bands, fomos direto para o portão de acesso. Meu esposo estava com mochila e precisou passar pela vistoria antes. Entrando no parque, que coisa linda: árvores, plantas, muito verde para todo lado! Parecia que estávamos entrando numa espécie de selva. Primeira atração que visitamos foi o Safari, pois assim que abre o parque a fila é bem menor, e o sol não está tão forte, então julgo ser o melhor horário para a visita. Que maravilha de passeio! Entramos em um carrinho tipo safari africano, e os animais ficam soltos, o carro faz o trajeto e passa entre os animais. Terminada essa atração, já fomos para a apresentação do Rei Leão, que é muito concorrida e foi uma das atrações que marcamos fast pass. Vale muito a pena assistir a esse espetáculo, um musical com acrobacias e danças encenando a história do clássico.

Andamos ali pela região africana do parque, onde uma banda fica tocando musica alegre animando os visitantes. O clima estava agradável, já começando a esquentar, e seguimos para a parte da Ásia, onde estava marcado nosso próximo fast pass: Expedição Everest! Adoro essa montanha russa, minhas crianças tinham altura para ir, então todo mundo encarou a aventura! No fim, meu pequenino saiu com um pouco de medo, acho que foi demais para ele, tendo em vista que foi a primeira montanha russa da vida dele. Tiramos algumas fotos ali na região, que por sinal é bem bonita, e fomos procurar um restaurante para almoçar.

Para o almoço optamos pelo restaurante Pizzafari, onde pedimos duas pizzas pequenas que vem Cesar Salad como acompanhamento, serviu bem para nós (2 adultos e 2 crianças), ainda pedimos chá gelado. O preço foi muito bom, e a comida estava gostosa.

Após o almoço fomos para o centro do parque, onde fica seu ícone, a Árvore da Vida. É linda, aproveitamos para tirar mais algumas fotos, e depois fomos para a próxima atração, inspirada em A Vida de Inseto, que inclusive é embaixo dessa árvore. Antes, no percurso, fizemos  uma pequena parada para ver um showzinho musical com Balu (Mogli),  Rafiki (O Rei Leão), Timão (O Rei Leão) e Meeko (Pocahontas), fazendo rodízio na aparição deles ao público. Foi divertido e muito legal ver personagens geralmente esquecidos, fazendo a festa com as crianças (e com os adultos, rsrs).

Sobre o atração Vida de Inseto, é muito legal o caminho que fazemos para chegar até ela, pois é como se fôssemos encolhendo para entrar na atração. Lá dentro acontece um teatro, muito engraçadinho, porém é no escuro e é um cinema 4D, então algumas coisas parece que estão acontecendo de verdade. Nossas crianças ficaram um pouco assustadas, então pode-se repensar sobre essa atração de acordo com o perfil de seu filho.

Como essa tinha sido a última atração dos 3 fast pass que havíamos marcado com antecedência, começamos a monitorar as outras atrações, mas principalmente a de Avatar que queríamos muito conhecer (e é bem difícil marcar fast pass). Pegamos um fast pass para o Show do Nemo (estilo o do Rei Leão) e enquanto esperávamos, fomos para a parte dos Dinossauros. No caminho, vimos que tinha um local para encontrar com Mickey e Minnie, e que, por incrível que pareça, estava sem fila (geralmente é bem concorrido tirar fotos com esses personagens). Inexplicável minha alegria ao ver no rosto dos meus filhos a satisfação de estarem ali, em frente aos personagens que tanto gostam, e uma grata surpresa por ter sido o Mickey e a Minnie os primeiros que eles encontraram, pois não havíamos planejado. Seguimos adiante para a Dinoland U.S.A.

Não achei tão interessante essa parte do parque, tem um brinquedo que gira para crianças pequenas, um outro brinquedo simples com escorrega e outras coisas também para os pequenos, e uma montanha russa não muito agradável, pois gira demais, além de outras atrações que eram pagas à parte (aquelas tipo tiro ao alvo). O mais legal dessa parte foi ver alguns personagens que estavam por ali. Encontramos o Donald, Pateta, Tio Patinhas, Capitão  Bóing e Margarida. Tem também uma outra atração que é uma espécie de expedição por um mundo de dinossauros, estávamos na fila para entrar mas nosso caçula ficou com muito medo, quase em pânico, então saímos sem conhecer.

Sobre o musical do Procurando Nemo, foi lindo! Valeu muito a pena assistir, além de ser um pequeno momento de descanso, pois foi cerca de meia hora que ficamos ali sentados.

No fim do dia, fomos para a parte onde ficam as atrações de Avatar. O cenário é belíssimo, e como nós chegamos lá anoitecendo, as luzes ficaram incríveis, como no filme. Infelizmente não conseguimos fast pass para nenhuma das atrações, e as filas estavam gigantescas, teríamos que ficar mais de uma hora na fila, assim optamos por não esperar, pois estávamos todos exaustos e pensamos nas crianças, que além de cansadas estavam com fome e não conseguiriam ficar tanto tempo em pé na fila. Também não esperamos o show noturno, que acontece no centro do parque.

Vejam aqui algumas fotos desse dia incrível:

No caminho para o Animal Kingdom

Picture 1 of 28

No caminho para o parque Animal Kingdom, da Disney

O Animal Kingdon é enorme, lindo e adorável! Todos nós gostamos muito, tivemos um dia memorável e uma experiência incrível em família. Apesar de não conseguir visitar todo o parque e fazer tudo o que gostaríamos, fizemos quase tudo o que estava nos planos.

Há alguns pontos que preciso relatar: haviam algumas excursões que pareciam ser de escola, deu a impressão que haviam muitas pessoas no parque. Inclusive perguntei várias vezes para as pessoas que lá trabalham se estava muito cheio, elas disseram que estava dentro do normal, que no verão é bem mais cheio, impossível andar. O roteiro que fizemos para conhecer todo o parque acredito que funcionou bem para nós, ficamos muito satisfeitos, e vimos que é realmente importante estudar e planejar antes de ir para ter um melhor aproveitamento.

Confiram aqui um vídeo do nosso canal do YouTube com um pequeno resumo desse dia:

Tentei transmitir aqui toda nossa vivência desse parque que, por muitas vezes é até ignorado e esquecido, mas que aos poucos tem chamado mais a atenção do público. Foi maravilhoso e espero que o relato possa ajudá-los no planejamento do parque.

 

Abraços e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *